Quando é recomendada a infiltração na coluna?

Se você sofre com dores na coluna e está procurando um tratamento, precisa conhecer a infiltração na coluna, também conhecida como bloqueio anestésico.

Será que essa técnica realizada nos principais centros mundiais de tratamento pode ser a solução para o seu problema na coluna?

Nesse texto vamos te explicar quando a infiltração na coluna é recomendada.

Venha entender mais sobre o procedimento e se você pode se beneficiar dele!

O que é a infiltração na coluna?

É um método minimamente invasivo utilizado mundialmente para tratar doenças degenerativas na coluna.

Além disso, atua contra dores no pescoço e outras tensões musculares.

A principal razão de sua popularidade é o fato dele apresentar riscos baixíssimos ou inexistentes ao paciente, quando comparado com outras técnicas médicas contemporâneas.

Ele é relativamente simples e descomplicado, sendo ideal para devolver conforto e qualidade de vida ao paciente!

O procedimento também é conhecido como radiculotomia ou rizotomia, agindo como um bloqueio anestésico contra a dor! 

infiltracao-coluna

Quais medicações são utilizadas na infiltração?

Já que o procedimento funciona como um bloqueio anestésico, são utilizadas medicações farmacológicas para induzir efeito de anestesia em relação à dor.

Para dores na coluna, a infiltração costuma ser composta por corticosteróides que possuam efeito anti-inflamatório.

Algum agente anestésico local também é utilizado de forma associada ao anti-inflamatório.

Como ela é realizada?

O procedimento costuma ser feito em ambiente hospitalar, sem necessidade de internação.

Seu médico especializado utilizará equipamentos de imagem para auxiliar na aplicação da infiltração.

Uma espécie de injetado no paciente sob sedação (espécie de anestesia leve) e pronto!

Você sentirá a melhora gradual da dor e sintomas nos 10 a 15 dias seguintes!

Quando ela costuma ser recomendada?

De modo geral, a infiltração na coluna é indicada para manifestações crônicas do processo natural de envelhecimento, também conhecido como degeneração discal.

As seguintes condições podem se beneficiar do procedimento:

  • Hérnia de disco;
  • Compressão de nervo;
  • Artrose facetária;
  • Dor lombar crônica;
  • Dor ciática.

Além desses casos listados, as infiltrações na coluna podem ser recomendadas para confirmar diagnósticos difíceis.

Ela oferece teste terapêutico para identificar a real origem da dor quando os exames físicos e de imagem não são suficientes para uma confirmação diagnóstica.

Quais os tipos mais comuns de infiltração?

Bem, a maior parte dos casos de infiltração são realizados na coluna lombar com objetivo de aliviar dor ciática.

Além disso, as infiltrações na coluna cervical também são bastante comuns.

No caso de dor lombar crônica, é comum que sejam realizadas infiltrações próximas às articulações afetadas.

Quais os principais benefícios desse procedimento?

Não é atoa que a infiltração se tornou um método globalmente utilizado nos melhores centros de tratamento e recuperação!

Seu principal benefício é o alívio e melhora da dor, além do auxílio na recuperação do paciente.

Em diversos casos, a infiltração é responsável por evitar a necessidade de intervenção cirúrgica.

Para acabar com as dores na coluna através desse tratamento, procure um especialista de coluna.Agende já sua consulta com o Dr. Fabiano Fonseca!

Preencha o formulário e agende sua consulta

Enviando...

INFORMAÇÕES DO AUTOR:

Dr. Fabiano Fonseca Especialista em Cirurgia da Coluna

Formado em Medicina pela Faculdade de Medicina do ABC, possui especialização em cirurgia da coluna vertebral, medicina esportiva e nutrologia.
Registro CRM-SP nº 120927

Unidades

Core Medical

Siga-nos nas Redes
Telefone

    CRM 120927 | TEOT 11509